Mídias Sociais

Qual a melhor rede social? Parte II - Twitter

Como escolher a rede social certa para a sua empresa?

Você está pensando em inserir sua empresa no mundo digital? Então, com certeza tem feito muitas perguntas sobre criação de sites e, claro, redes sociais, certo? Por isso, hoje você irá descobrir se o Twitter foi, ou não, feito para o seu negócio! Está preparado!? Vamos lá!

Seja bem-vindo à segunda parte de “Qual a melhor rede social?”!
Confira a parte I, clicando aqui.

Como usuário das redes sociais, mesmo que você esteja familiarizado com elas, ainda bate aquela dúvida sobre a atuação de perfis comerciais, por isso, vale a pena pensar: elas são realmente efetivas para a área de atuação da sua empresa?

Como falamos na Parte I, o que vai determinar a sua presença em qualquer rede social, sempre será o seu público-alvo. Não adianta você investir no Twitter, se o seu público consumidor não estiver presente nele!

twitter para empresa

O Twitter

No Brasil, ele ainda não é mais popular que o Facebook, mas também não deixa à desejar. É uma rede social de mensagens instantâneas: São 140 caracteres para se expressar, passar algum fato interessante, informar alguma promoção relâmpago, ou o que puder ser escrito nessas limitações. Coisa boa é que isso pode ser explorado juntamente com vídeos, fotos e links. 

Atualmente, o número de usuários não teve um crescimento tão forte e, o diretor financeiro da rede, Anthony Noto, disse que não deveríamos esperar nenhum tipo de crescimento significativo nos números por um longo período. Mas, apesar disso, um ponto extremamente positivo é que, além de fiel, seu público é engajado e, o engajamento dessa audiência, esse sim, teve crescimento de 710%, muito mais que o do Facebook¹. 

Vantagens gerais do Twitter:
- Conteúdo rápido e dinâmico: postou, retweetou, viralizou.
- Laço afetivo forte e leal quando há sintonia de interesses.
- Formação de grupos de interesses, podendo ser acrescentados perfis em listas e favoritos.
- Possibilidade de bate papo e mensagens reservadas.

140 caracteres twitter
Novidades:
- Esse mês foi feito uma quebra na linha de 140 caracteres para mensagens diretas, possibilitando conversas mais extensas!
- Mês passado foi habilitado o “Self-Service de Anúncios” aqui no Brasil, que nada mais é que o Twitter Ads, o Tweet Patrocinado. Siga as novidades em @TwitterAdsBR.


Em relação ao público alvo:
Se sua intenção é atingir um público mais velho, o Twitter pode não ser uma boa opção para a sua empresa. A faixa etária dos usuários é praticamente a mesma: jovem! Além disso, não há possibilidade de realizar relatórios específicos sobre sua audiência, uma vez que não há muitos dados para mensurar os resultados.

O usuário é mais ativo e interage mais, por isso, a facilidade dele deixar de seguir um perfil é maior e mais frequente. Ou seja, se ele se identificar com o seu conteúdo hoje, bingo! Mas, se amanhã, você não for tão bem… tchau.


Dificuldades:
Assim como há a limitação de 140 caracteres para os tweets, há um limite para personalizar e descrever o perfil da sua empresa. Além dessa dificuldade para “coletar informações do perfil”, as histórias se perdem em meio ao grande número de tweets, o que torna a morte do conteúdo muito mais rápida e a impossibilidade de criar uma referência é maior. Ou seja, não é uma rede social para montar portfólios.


O Twitter em relação às demais redes sociais

Informação fresquinhas: ouso dizer que no Twitter sabemos, em tempo real, sobre tudo o que acontece no mundo! Sim, notícias em primeira mão.
Conteúdo menos durável: como falamos no artigo anterior, o Twitter é extremo, pois, do mesmo jeito que a informação nasce, ela morre. São raros os usuários que percorrem o Twitter de alguém para ver postagens antigas, até mesmo pela quantidade, que é imensa. No entanto, pode ser utilizado como uma fonte de pesquisa, o que não necessariamente irá destacar o conteúdo “x” de empresa “y”.


Empresas que dão certo no Twitter
Parece que o Twitter foi feito para empresas da área jornalística, das que precisam divulgar informações importantes e de forma rápida, mas é claro, o Twitter não se resume somente à notícias! Novamente, as empresas que conseguem direcionar um conteúdo relevante, inovador, inteligente e bem humorado, independente de seu segmento, podem dar muito certo nessa rede social. Principalmente quando o assunto é, de certa forma, divertido e inusitado. Um exemplo que pode virar tendência são os personagens, que dão vida à empresa, sem necessariamente divulgar um produto ou serviço, mas sim, a intenção clara de se criar amantes da marca!


¹ Segundo pesquisas da sesCom, de Jan/2014 à Abr/2015, o Twitter cresceu 710% em engajamento de audiência. Já o Facebook teve aumento de 284%. Métricas: total de curtidas, comentários, compartilhamentos, retweets e favoritos.

comments powered by Disqus
Newsletter